Finalmente, uma boa notícia

|

Finalmente, uma boa notícia
 
A cada minuto vive-se na expectativa de últimas notícias na política brasileira. Quando isto aqui for lido, muitas surpresas. Surpresas? Não! O Sábio é taxativo: “Não há nada de novo neste mundo” (Eclesiastes 1.9). E declara: “No lugar onde deviam estar a justiça e o direito, o que a gente encontra é a maldade” (3.16). Ou seja, tudo o que acontece na política e fora dela é remontagem de coisas velhas e caducas. Plágio, puro plágio.
 Assim, “notícia” que significa “fato novo” perde o sentido original da palavra. É claro, a novidade são os nomes, os lugares, as datas. Mas os fatos são os mesmos. E quais os fatos? Corrupção, mentiras, ódio, ganância, safadeza, jogo de poder, vaidade, ambição. Notícias de Brasília? Notícias do mundo? É tudo coisa velha, velha como o blá blá blá de gente que mente. Que vida chata! Ninguém aguenta mais estas mesmas histórias todo o santo dia.
Seria uma chatice sem fim se não tivéssemos a real compreensão dos fatos. Por isto, a conclusão do Sábio: “Tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos, porque foi para isso que fomos criados” (12.13). É isto, precisamos viver o objetivo da nossa existência. E daí surge a notícia - notícia aqui no sentido original e real da palavra. Que também é conhecida por “evangelho”: ev = boa, angelion = notícia.

Pode parecer forçado, mas a Boa Notícia (agora em letra maiúscula) ajuda entender o que acontece em Brasília. Assim como ajudou quando Pilatos perguntou a Jesus “o que é a verdade”. O Salvador já tinha dito a ele “foi para falar da verdade que eu nasci e vim ao mundo”. Vejam, Jesus nasceu para a verdade e nós nascemos para os mandamentos.
Tudo isto seria uma péssima notícia se não fosse o resumo dos mandamentos que é o amor, amor possível no amor de Jesus, que revela a verdade e possibilita a obediência aos mandamentos de Deus. Finalmente, uma notícia.
Como estão as coisas agora lá em Brasília? O Sábio tem a resposta: “O que aconteceu antes vai acontecer outra vez (...) Não há nada de novo neste mundo” (Ec 1.9).
 
Marcos Schmidt
marcos.ielb@gmail.com

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2009 PARÓQUIA CONCÓRDIA | Template Blue by TNB